A Web foi criada por apenas um motivo: compartilhar informação. Na época, Tim Berners-Lee trabalhava no CERN. O problema que eles tinham lá era que os dados usados nas pesquisas ficavam em computadores que não se comunicavam direito ou eram dados que precisam de programas específicos, e que não estavam instalados em todo o lugar. Era muito difícil compartilhar informações com outros membros do time que estavam em lugares diferentes. Então, a ideia era deixar essa informação - sobretudo as informações de texto e imagem - em um formato que pudesse ser facilmente acessível.

In those days, there was different information on different computers, but you had to log on to different computers to get at it. Also, sometimes you had to learn a different program on each computer. Often it was just easier to go and ask people when they were having coffee… — Tim Berners-Lee, https://webfoundation.org/about/vision/history-of-the-web/

Naquela época, tecnologias como TCP, DNS hypertext e até objetos de font já existiam, então foi questão de desenhar um browser e colocar tudo isso junto. Pronto, em 20 de Dezembro de 1990 o primeiro site foi publicado sob o domínio info.cern.ch. Esse site era uma página explicando do que se tratava a World Wide Web e ficava hospedado em um dos NeXT do CERN (até aqui o Steve Jobs teve um dedo) que foi comprado pelo Mike Sendall, que era o chefe do Tim Berners-Lee.

One of the things computers have not done for an organization is to be able to store random associations between disparate things, although this is something the brain has always done relatively well. In 1980 I played with programs to store information with random links, and in 1989, while working at the European Particle Physics Laboratory, I proposed that a global hypertext space be created in which any network-accessible information could be refered to by a single Universal Document Identifier — Tim Berners-Lee, https://www.w3.org/People/Berners-Lee/ShortHistory.html

O que eu acho mais incrível dessa história, foi que em determinado momento, o Tim Berners-Lee tinha nas mãos a decisão de vender essa tecnologia toda. Ele poderia muito bem ter se escondido em algum lugar, lançado a bagaça e cobrado por isso. Devemos agradecer muito que o a Web foi criada pelo Tim Berners-Lee e não pelo Mark Zuckerberg.

This post is for subscribers only

Sign up now to read the post and get access to the full library of posts for subscribers only.

Sign up now Already have an account? Sign in